segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Viajando para Orlando - Manual de sobrevivência

O que falar mais de Orlando? Acho que esgotei o assunto no Post de 2008. É claro que tem novidades, tem os Simpsons na Universal e  Harry Potter no Island of Adventure. Tá, são legais, vai lá. Mas isso não é dica que se dê. Está em qualquer guia barato de Orlando. O que eu quero que você tenha é uma viagem incrível sem estresse. E para isso fiz uma listinha de algumas coisas que possam evitar aborrecimentos pelo caminho. Me sinto à vontade em fazer essa acessória para vocês porque todas essas dicas foram testadas na pratica, nos 9 anos que viajo uma criança.

Antes de embarcar:

• Cada pessoa tem direito a 2 malas. Aproveite isso. Com certeza você vai usar todas na volta. Mas limite o numero de malas  a  6 malas por família. Mais que isso você e seu marido não vão conseguir carregar. Cada carrinho só acomoda 3 malas. Também não vai caber no taxi na volta. Mesmo assim eu já aviso, só cabe em SUV e Mini Vans. No mínimo você vai ter que pedir uma Doblô e colocar malas no banco de trás.

• Economize na bagagem de ida. Porque a de volta é gigante. Não precisa levar roupa para todos os dias porque provavelmente você vai comprar lá.

• Se você não tem malas com 4 rodinhas, aproveite os bons preços de Orlando para adquirir algumas. Elas andam sozinhas e podem ser empurradas por uma criança maior num momento que faltar braço.

• Não dispense a malinha de mão com as 4 rodinhas. Aquela pequenina do seu jogo de mala. Mas fique atenta para ver se ela cabe no compartimento de bagagem do avião. Cada criança deve ter uma. É ótima para trazer brinquedos pesados de volta. E se tiverem mais de 4 anos podem carregar sozinhas.

• Leve um travesseiro pequeno a mais por criança. Apesar de serem dados no avião, um não é suficiente para acomodar bem. Dois é melhor.

• Leve algum petisco que seu filho goste: biscoito, bolacha, sanduichinhos.... Crianças são complicadas para comer, seu filho pode se recusar a comer a comida do avião. E criança de barriga vazia no mexi-mexi do avião é enjôo na certa. Só não leve líquidos porque não é permitido. Vão confiscar no raio X. Deixe para comprar, água e sucos depois que passar da revista da policia federal. Tem sempre uma lanchonete por perto.

• Faça as crianças viajarem com roupas confortáveis e sapatos fáceis de tirar e por para evitar confusão na hora do raio X. Nada de zíperes, jeans, capuz, sapatos de amarrar, botas e vestidos. Eu acho que a melhor combinação é um moletom gostoso e Crocks®.  Você também precisa privilegiar o conforto e praticidade. Evite cintos e acessórios, calças justas e peças estruturadas e sapatos difíceis de tirar para a revista.

• Tenho um pouco de vergonha de dar a dica a seguir, é bem malandragem brasileira. Que fique entre nos. Bom, vamos lá: Vamos pensar em uma família de 3 pessoas. Pai e mãe e criança. Antes de marcar os assentos verifique que tipo de aeronave está voando. Se for a do tipo que tem 5 poltronas no meio marque os assentos sempre pulando um: os dois da ponta e o do meio. Ninguém vai querer sentar no meio da sua família e você pode acabar ficando com a fileira inteira pra vocês. Se por acaso alguém chegar, você sugere que eles fiquem com os assentos de uma das pontas. Ninguém vai recusar.

Em aviões de três poltronas no meio. Marque nas duas pontas e deixe a do meio vazia. Marque também a poltrona do corredor de um dos lados e deixe a janela vazia. Se alguém chegar, ofereça a poltrona do corredor avulsa. Pronto, falei. Tô vermelha.

• Coloque capas de cores diferentes em cada um dos passaportes para você saber de cara de quem é. Então coloque o cartão de embarque na pagina da foto do passaporte, não do visto. Entregue um por um, mostrando a pessoa a quem pertence. Você vai evitar um monte de resmungos e caras feias. Comprei capinhas lindas no Ebay. Elas têm bolsinhos para colocar os cartões de milhagens. Fica tudo organizadinho e lindinho.

• Sua bolsa deve ser bem prática com bolso de fácil acesso para colocar os passaportes. Não dá pra ficar perdida na frente do oficial da Imigração Americana, é aborrecimento na certa.

• Coloque os ítens que vão ser usados durante a viagem numa mochila ou bolsa que caiba embaixo da poltrona da frente para você não ter que ficar incomodando os outros passageiros e abrindo o compartimento de bagagem durante a viagem.

• Leve fones de ouvido, os do avião são péssimos. Existem alguns modelos de avião que o plug é diferente, tem duas saídas. É sempre bom ter um fone que venha com muitos adaptadores, prefira esses modelos se for comprar um.

• Seja obediente. Não adianta, com os gringos não tem jeitinho. Não pode, não pode. Verifique o que você pode levar na Bagagem de mão na listagem no site da American Airlines. É  fácil encontrar em lojas de malas, diversas versões de bolsinhas transparentes de acordo com a nova lei de bagagem de mão. Se você não tiver uma pode usar um plástico tipo Ziploc. Não deixe faltar na sua bolsinha:
Gel anti-séptico. Não sei quanto a você, mas eu morro de nojo de avião.
Lenços Umedecidos. Servem para tudo. Limpam de bubum a outras sujeiras no meio do caminho.
Remedinhos: para enjôo, dor de cabeça e azia. Sou super a favor do Dramin para as crianças, evita o enjôo e faz elas dormirem como anjo. Os outros passageiros agradecem (consulte o pediatra antes de dar qualquer medicamento pro seu filho).
Hidratante: o ar do avião é muito seco.


• Agora não é uma dica, é um pedido. Seja civilizado. Obedeça a fila por grupos na hora do embarque, não leva mais bagagem de mão que o permitido, não atropele as pessoas na fila. Morro de vergonha de ser brasileira nos aeroportos de Miami e Orlando, por que é assim que os nossos se comportam. Lamentável.

Malinha dos Parques.

Tem alguns itens que podem deixar seu dia nos parques ainda mais feliz. Fiz uma listinha básica. Lá vai:

• Roupas de banho para os pequenos. Algumas atrações são brinquedos de água. Deixe que eles se esbaldem sem se preocupar em molhar a roupa. Ah, leve uma toalha fralda ou uma toalha superabsorvente (vc encontra em lojas de esporte), daquelas que são bem pequenas. Evite um toalhão trambolhão.

• Chinelo de dedo. Bom para brinquedos que molham muito. Nada pior do que ficar com tênis molhado o dia inteiro.

• Uma camiseta, meia e cueca/calcinha extra para as crianças

• Filtro Solar. Não subestime o sol de Orlando.

• Remédio para dor de cabeça e enjôo. Não subestime as montanhas russas.

• No verão, lance mão de alguns aliados da brigada anti-calor: boné, spray de água com ventilador (vende nos parques) e garrafinha de água.

• Leve capas de chuva caso o tempo não seja seu amigo ou você não queira se molhar em algumas atrações como o Jurassic Park.

• O inverno de Orlando é imprevisível. Pode fazer 0 graus ou 30. As vezes no mesmo dia. Sempre esteja preparada com uma bermuda e um casaco na mochila. Meu filho tem uma calça com um zíper no joelho que vira bermuda. É a roupa ideal para os parques. Esfriou, coloca a calça, esquentou tira a perna e vira bermuda.

• Compre um porta cartão que fica pendurado no pescoço (vende em todos os parques), pode não ser lindo mas evita o aborrecimento de perder o ticket. Nos parques da Disney você vai precisar tirar toda hora para fazer o Fast Pass. É um ótimo lugar também para guardar a chave do hotel.

Compras

• Leve uma sacola ecológica ou uma mochila vazia para acomodar as milhares de sacolinha ou uma parte delas. Fica mais fácil carregar.

• Planeje de maneira que os ítens mais pesados fiquem por último.


O Carro alugado

• Não tem jeito. Um carro menor que uma SUV não cabe. Durante a sua estada em Orlando tudo bem um carro tipo sedan grande, mas não vai comportar as malas na volta para o aeroporto. E olha que estou falando de uma família de 3 pessoas. Não se preocupe em andar com uma banheira gigante, as vagas são enormes e o trânsito bem civilizado.

A mala da volta

Compre cadeados de segredo. Eu sei que são bem mais caros, mas duram muito mais porque você nunca perde a chave.

Existe uma mini balança de mão para você saber quanto está pesado a  sua mala. Não é cara e é uma boa ferramenta para evitar excesso de bagagem. Você pode distribuir o peso melhor entre as malas que está levando.

Se você exagerou nas roupas, pode lançar mão dos plásticos compressores. São embalagens que você coloca as roupas e tira o para diminuir o seu volume. Prefira a versão que não precisa de aspirador. Você encontra fácil em farmácias como a Walgreen. E em lojas como a Bed, Bath and Beyond.

É isso, se for lembrando de mais coisa em acrescento. Bj.  Próximo post: cosméticos!


3 comentários:

Patrícia disse...

Ótimas dicas.
Embarco 13/05. Minha primeira viagem com as crianças ( tenho dois filhos de 8 e 4)
Dá um frio na barriga, porque a gente sabe que existem imprevistos, más com criança é diferente...
Vou ler os posts anteriores.
Bj. Patricia
patipins.blogspot.com

Josie disse...

Suuuuper obrigada! Minha viagem é daqui a 15 dias, e nem consigo dormir de preocupação com o que meu filho mais novo vai comer (minha mais velha tem 5 e o mais novo 1 a no e 10 meses!). Adoro o blog!
Bjs Josie
luepipe.blogspot.com

Pedro disse...

Ao pessoal que estiver indo para Orlando, eu alugo um apartamento(Timeshare) no WestGate Lakes resort 5 estrelas. 7 dias e 6 noites p/ 4 pessoas por $600,00(dolares). Os dias e qtdes de pessoas podem variar. Interessados contatar pedro_zta@hotmail.com.