segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Está pensando em ir para Orlando? Parte 1 – Planejando a viagem


Orlando é certamente o melhor destino para crianças do mundo (e para alguns pais também). Disso ninguém têm dúvida. O que costumam me perguntar é qual a idade ideal para a criança conhecer o Mickey. Ora, depende da sua expectativa. Os parques da Disney e Universal têm estrutura para receber bebês de colo. É claro que os bebês não entendem o que está acontecendo, ficam só super excitados com tantas cores e estímulos. Já crianças a partir de 2 anos podem curtir algumas atrações. Não vão poder ir às montanhas russas, nem nos simuladores radicais. Em compensação existem algumas atrações como o Show do Barney na Universal que os mais velhos não acham mais graça. A parada dos personagens também encanta mais os pequenos, não que os grandes não gostem. Mas até os 3 anos a fantasia se mistura com a realidade. Já imaginou que alegria você achar que está de frente do seu ídolo de verdade? A partir dos 5 –6 anos seu filho já pode curtir a maioria das atrações. Isso se tiver altura dentro da média e for corajoso. Já vi muita criança fazendo chilique na fila porque estava com medo de ir ao brinquedo.

Ok. Você decidiu que vai, então vamos as providências práticas:

Passagem, Hotel e Carro.
Você precisa de um agente de viagem. Minha indicação é o Edgar da
ESTUR (já falei dele nesse blog). Tel. (11) 3868-4323. Pode ligar pra ele que eu garanto. Você pode montar a sua viagem do jeito que quiser ou optar por um pacote. O pacote tem datas e hotéis determinados, mas o custo e menor. Se for por conta própria alugue um carro. Não é obrigação, a maioria dos hotéis faz o “Shuttele” (trasporte) para todos os parques. Não sei quanto a você, mas prefiro a independência. Além disso, você pode sair para fazer compra, ir aos restaurantes “quando der na telha”. Se você não fala inglês, melhor ir de excursão com guia. Você não precisa ficar andando atrás do grupo o tempo inteiro, mas é uma boa ajuda em momentos de difícil comunicação.

Além do Edgar vai aqui alguns liks de agência e operadoras:
RCA
Trade Tours
Agaxtur
Nascimento Turismo
New Age
Soft Travel
Luxtravel

Outro dilema: ficar ou não ficar dentro da Disney?
Assunto polêmico. Eu acho “roubada”, tem gente que acha que faz parte do encanto da viagem. É muito pessoal.

Os prós:
Os hotéis dentro do complexo Disney são uma graça. Cada um deles tem um tema. São quase uma atração a parte. Todos, desde o mais simples, são bem confortáveis. Têm transporte fácil e gratuito do aeroporto para os hotéis e dos hotéis para os parques. Além de outras facilidades como horário especial para os hospedes (eles podem entrar mais cedo e sair mais tarde do que os resto dos mortais) e entrega de compras feitas dentro dos parques no seu quarto.

Os contras:
São bem mais caros. Você fica meio “ilhado”. Ficam perto dos parques da Disney, mas longe de todo o resto. E Orlando não se restringe ao mundo Disney.

A Universal também tem hotéis próprios. Também são temáticos, excelentes e caros também. Mas a localização é mais interessante, pois fica mais próximo da International Dr. (Av mais famosa da Orlando), dos outlets, dos shoppings e, claro, dos parques da Universal. Além disso, dão vantagem aos hospedes como o passe “Express Plus”. Você fura todas as filas das atrações dos parques da Universal: Universal Studios e Island of Adventure.

A opção de hospedagem mais em conta são os hotéis da International Dr. Tem hotéis de todos os preços e estrelas. Você pode ficar num 5 estrelas sem pagar o preço dos hotéis pertos dos parques. Nesta famosa avenida também ficam os restaurantes. Mais pra frente vou falar mais dela.

Algumas indicações de hotéis:

Dentro da Disney:

Acesse o
site oficial da Disney e conheça as tarifas, instalações de todos os hotéis do complexo.

Hotéis da Universal:
No
site da Universal também tem todas as informações que você precisa saber sobre os hotéis.

Hotéis na International Dr:
Você pode entrar no site
Orlando.com, preencher com as datas de chegada e saída e ter acesso as todas as tarifas dos hotéis na região de Orlando. Procure os hotéis na International Dr.
Para a categoria econômica indico os hotéis da cadeia
Best Western, e Quality Inn. Para mais conforto, indico o Peabody e os da cadeia Homewood (Hilton).

Dica importante: para saber se as fotos do hotel que você vê na internet correspondem com a realidade acesse
www.tripadvisor.com. Neste site as pessoas enviam suas fotos pessoais dos hotéis onde ficaram. Sem retoques e lentes especiais você fica sabendo se não está “comprando gato por lebre”.

Passaporte e Visto
Mas não basta ter só a passagem você precisa de passaporte e visto para entrar nos E.U.A. Se você ainda não tem passaporte ou visto. Ou pior não tem nenhum dos dois prepare-se para muitos aborrecimentos.

Para tirar ou renovar o passaporte no Brasileiro você precisa de muita paciência. Primeiro você tem que enfrentar uma fila enorme para fazer o pedido e depois outra para retirar o passaporte. Para saber o que fazer entre no
site da Polícia Federal.

Conseguir um visto para o E.U.A é pior ainda. Você é tratada como um lixo e espera, espera, espera numa fila interminável que começa um quarteirão antes debaixo do sol. Torça para não chover. Para se sujeitar voluntariamente a essa tortura, você precisa marcar uma entrevista na
Embaixada Americana e levar alguns documentos. No site da Embaixada tem todas as informações. Apresse-se porque a fila de espera para entrevista é de quase 4 meses. Se você pretende ir nas próximas férias já está atrasada.

Aguarde no próximo posta vou falar da bagagem.


Um comentário:

dani.niederauer disse...

Parabéns pelas dicas simples e práticas. Adoro viajar e sei bem o quão complicado é para marinheiros de primeira viagem....